domingo, 16 de novembro de 2008

Assim está muito melhor

O jogo de ontem, em especial a primeira parte, foi bastante mais do meu agrado. Ontem viu-se um FC Porto atacante, pressionante, trocando a bola e encontrando espaços, um Rodriguez ainda trapalhão mas bastante mais acuticutilante, um Tarik que mesmo caindo em fora de jogo regularmente criava perigo nas alas, um Lisandro mais inspirado, um Meireles muito interventivo, um Fernando mais acertado nas marcações, um Sapunaru mais inteligente a defender. Se a equipa tivesse actuado sempre assim, nunca teriamos passado pela crise de Outubro, mesmo que nem sempre tivessemos ganho.

O importante é que estamos a recuperar terreno e o fenómeno Leixões, acredito eu, será esporádico - bastará chegar a época das lesões, castigos e transferências e tudo regressará ao "normal".

Por isso o jogo de ontem foi importante e bom. Foi a sapatada na crise e não há lugar para mais crises este ano, o capital de desperdício do FC Porto já foi desbaratado em Outubro. Agora, quero mais vitórias e mais jogos como o de ontem.

Fundamental é pensar também como é que num clube que ganha a maior parte das vezes que joga, o treinador consegue um satisfaz menos com a 50ª vitória em 100 jogos, o que significa que está mesmo mesmo no limite da aceitabilidade. É muito pouco e muito fraco para um FC Porto, tricampeão e claramente a mais forte equipa de Portugal. Qualquer número abaixo dos 60% de vitórias é um fraco resultado e deveria fazer soar as campainhas de alerta da SAD.

3 comentários:

José Campos disse...

ontem ganhamos bem perante uma equipa que entrou em campo com a nitica vontade de jogar para o empate. por aquilo que jogamos mereciamos ter marcado mais 1 ou 2 golos. tivemos muito disciplinados e concentrados e sempre com os olhos postos na baliza contrária mas nem sempre as coisas lhes saíram bem porque não há equipas perfeitas. o helton não fez uma defesa durante o jogo todo e só por ai podemos ver que o guimarães veio ao dragão para não perder po muitos. foi uma boa vitória e aos poucos vamos voltar a um nível bastante mais aceitável em termos colectivos.
Abraço

a nação azul e branca

http://anacaoazulebranca.blogspot.com

Pedro Reis disse...

Segundo julgo foi a 50ª vitória para o campeonato, mas a 66ª em todas as competições (a que se referem os 100 jogos).

dragaovenenoso disse...

Esta história das seleções é que nos está a tramar a vida e de que maneira! Em vésperas de um jogo importantíssimo para as nossas aspirações na liga dos campeões lá vamos ficar sem uma porrada de jogadores. No caso da nossa selecção é um jogo a feijões. Para as outras selecções não sei, mas desta maneira tenho de conceder algum desconto ao JF no que respeita às más exibições. Urgente mesmo é procurar defesas laterais, pois quando muito temos apenas dois e não quatro.

Os jornais: é uma vergonha o que se assiste neste país. O leixões está em primeiro, mas as notícias que aparecem é que os lampiões estão quase em primeiro lugar. O palhaço da sic dizia ontem que os agentes desportivos estão é interessados numa transferência de poderes e não na tranaparência. Isso já nós vemos há muito. O tal sistema só existe para os pamonhas que choram as derrotas e desculpam-se nas arbitragens, dizendo que é o sistema que os prejudica.

Pois o tal sistema que falam está a ser desbaratado pela justiça, com deliberações sucessivas a anularem as decisões de alguns fulanos que ronda a liga dos clubes. Ainda vamos ver a federação e a liga a pagarem $$ indemnizações ao FCPorto e ao PC por os terem condenado com base em provas que não são válidas. Por outro lado, continuam a publicar boatos e tretas nesses jornalecos da capital com o único objectivo de denegrir o nosso clube. Não entendo como não se pode processar esses palhaços da bola e em particular a fulaninha ridícula que manda naquela porcaria.