terça-feira, 21 de novembro de 2006

SUBLIME

Hoje revivi momentos e sentimentos que já me pareciam distantes. Antes do jogo, a imprensa russa, a imitar (mal) a sobranceria espanhola e inglesa, fazia do jogo desta tarde uma espécie de formalidade para o CSKA. Talvez sobre-excitados pelo facto de, pela primeira vez na história do futebol russo haver uma equipa que infunde algum respeito, esqueceram-se quem é o Futebol Clube do Porto. Têm desculpa. Afinal, estão na outra ponta da Europa. Não sabem que é regra no livro de honra azul e branco esmagarmos os adversários que cometem o erro fatal de nos menosprezarem...
Numa exibição a roçar o sublime, com dois fantásticos golos, arrumou-se com o exército vermelho, que nem cócegas fez, apesar dos 3 brasileiros de selecção. Não nos iludamos. O CSKA tem uma belíssima equipa e a defender são um bom exemplo de como a escola italiana prolifera. Não tiveram foi qualquer tipo de hipóetese e só não saíram goleados porque às vezes teimamos em esbanjar golos fáceis. Podia destacar aqui mais uma vez o genial Quaresma, que à falta de Anderson, pegou na batuta. Mas seria injusto perante o fantástico jogo colectivo a que assistimos, mesmo com temperaturas negativas. Foi tão avassalador que os russos se queixam agora, imagine-se, do jet lag. Como se de Vladivostok a Moscovo a distância fosse maior do que da Invicta até à capital russa...
Comecei por dizer que revivi sentimentos. Sentimentos de 2003 e 2004. A mensagem que ecoa desde Moscovo é OLÁ EUROPA. CÁ ESTAMOS DE NOVO!
Até os insuspeitos vizinhos do lado já captaram a mensagem. Veja-se a crónica da agência EFE, da qual retiro os seguintes exemplos mais significativos:
"El Oporto desarboló con todas las de la ley al CSKA Moscú, al que arrebató el liderazgo del grupo G con un fútbol que recordó al del equipo que se adjudicó la Liga de Campeones de hace dos años con Deco y Maniche en sus filas."
"El segundo gol, que enterró las esperanzas del CSKA de salvar el partido, fue una obra antológica del Oporto".
Agora, queremos o primeiro lugar. Nada de se jogar para o empate com o Arsenal!

10 comentários:

Anónimo disse...

Concordo por completo com a crónica, acho apenas que é necessário e mais do que merecido referir que há aqui muito dedo do prof. jesualdo, foi ele que pôs esta equipa a jogar à bola! Quando aqui falavam nas "complicaçoes" do professor, hoje jogamos com Fucile na esquerda e com o tal triangulo do meio campo que não funcionava!
Cumprimentos portistas

Ricardo Ferreira

Dragonis disse...

Também concordo que o Jesualdo merece os elogios de todos nesta altura. Parece que depois daquelas azelhices com os lampiões que nos iam custando a vitória, entendeu e fizeram-no entender definitivamente que o dragão nunca se pode encolher e os resultados estão à vista. A competência nunca esteve em causa. Tinha era alguns maus hábitos que não se devem aplicar em equipas vencedoras e que necessitaram de pequenas correcções, foi mais uma questão de atitude...

Xerxes disse...

Também concordo com quase tudo o que disseste, mas meteste o pé na argola quando quiseste comparar a distância do Porto a Moscovo com a que vai desta última cidade a Vladivostok. A Europa é pequenina, mesmo incluindo a Rússia Branca, comparada com a Ásia enorme. Vai ao Google Earth e mede :)

Um abraço portista.

Captain Bock disse...

Ontem foi noite/tarde de gala!!
Foi lindo ver a nossa Equipa jogar como um bloco e dominar uma outra grande Equipa. E um jogo de uma correcção acima da média.
Desenganem-se os que diziam que o CSKA é fraco.
São bons jogadores, que jogam juntos à 3 anos, que não fizeram melhor porque o FCP não deixou.
E aí, o JF tem muito mérito.
FCP4ever!!

http://captbock.blogspot.com

Dragão Maronês disse...

De facto foi um jogo extraordinário!
Digo-o, com uma satisfação imensa quer como amante do futebol, quer como portista. Assim, sim!
Agora é preciso ganhar ao Arsenal, para passar à fase seguinte em 1ºlugar.É preciso que no dia desse o jogo o Dragão esgote a sua lotação, para que todos ajudemos a equipa a saltar esse obstáculo. A gente vai chegar lá.
Depois do jogo de ontem terminado, eu portista clandestino e isolado num mar de galináceos vernelhos, lancei um olhar de incomensurável gozo, sobre aquele mar de vermelhuscos e lancei-hes um repto: Agora façam melhor!
É claro que às vezes eles até são capazes de rivalizar com um razoável grupo de Zés Pereiras,mas executar uma sinfonia a preceito é coisa que não está ao seu alcance dessa vermelhusca gente.
Viva o Porto
Dragão Maronês

Azulao disse...

Caro Xerxes:´
tens razão, claro, quanto às distâncias, pelo que peço desculpa aos leitores pela imprecisão. Mas o essencial mantém-se - é uma desculpa esfarrapada, até porque o Porto viajou para a Rússia dois dias antes. E os nossos jogadores também tiveram jogos nas selecções.
de qualquer forma, obrigado pela correcção.

Francisco disse...

Absolutamente de acordo com o Azulão. Acima de tudo a postura como equipa. E dou o braçio a torcer: o Bruno Alves e o Postiga estão a crescer e bem como jogadores. Os solistas do costume ( o Lucho a voltar a ser um luxo!),mas toda a equipa muito bem a lembrar as de Mourinho. E quando assim é... Não podem é entrar em euforias que são sempre más conselheiras.
Duas achegas: 1- o entusiasmo transbordante do relatador Miguel Prates com os golos e a wxibição do PORTO! É tão f...da
p... que nem consegue disfarçar a azia que lhe vai na alma!
2- A notícia veiculada pela imprensa russa, segundo a qual e de acordo com as declarações de Karyakas (não sei se é assim que escreve) a nação dos lampiões, adeptos e jogadores, teria estado ontem a torcer oelo CSKA. Ainda bem. Assim dá muito mais gozo!

bLuE bOy disse...

O Kremlim vergou-se perante a superiodade demonstrada por esta Lokomotiv(a) chamada Dragão...
E o 1º lugar do grupo está agora mesmo ali à mão... dia 6 de Dezembro, quero aquela derrota de Londres vingada e com juros!!
aKeLe aBrAçO
http://bibo-porto-carago.blogspot.com/

Dragão Maronês disse...

Para o Francisco.
Eu não posso garantir que todos, mesmo todos os lampiões estivessem a torcer pelo CSKA, mas que a grande maioria deles estava contra nós, isso posso garanti-lo. Habitualmente vejo as transmissões televisivas do Porto num sítio pejado de benfiquistas e posso dar testemunho disso. Ontem mais uma vez isso aconteceu.Houve uma altura, num ataque perigoso à nossa baliza,quando Wagner Love remata e bola vai fora, ouviu-se um coro de desilusão tão funda, que parecia que tinha sido a equipa galinacea a falhar um golo.
Oxalá eles continuem a ter, por muitos anos, esse tipo de sentimentos para com o n/Porto. É sinal de que continuamos no topo e dar-lhes razões para nos invejarem.
Lembrem-se ninguém inveja a miséria.
Saudações Portistas
Dragão Maronês

Santa casa disse...

Excelente vitória agora vamos torcer que o Porto ganhe á equipa Inglesa, e para que não digam que somos xenófobos que ganhe também o Manchester united.