domingo, 5 de março de 2006

PARA VARIAR...

... uma excelente exibição e um jogo sem sofrimento. Est noite, no Dragão e com a tulipa negra a mudar outra vez, festival de bola perante o Nacional que, embora tentando defender, nunca deixou de tentar o golo.
A exibição de hoje, a fazer lembrar as do início de época, só me faz ter cada vez mais a certeza que o laranja podre é o Peseiro Holandês. Tal como o Servente do Capataz Moçambicano, o Laranja podre ora faz uma excelente exibição, goleando, ora faz exibições miseráveis. Jogos decisivos, não ganha um. Daí que passe a ser por mim conhecido como H3N1 (horrendo homem holandês que não ganha um), variante holandesa da gripe das aves e que só afecta dragões.
O jogo de hoje serviu ainda para todos nós nos perguntarmos (ou continuarmos a perguntar) porque é que Marek Cech só joga quando o Rei faz anos e porque é que o Lisandro foi saneado a partir de Dezembro. Pese embora Ivanildo ter feito o melhor jogo desde que é titular, Lisandro é, para já, muito melhor.
Os destaques foram:
- Baía. Aqueles que muitos consideram acabado fez duas ou três impecáveis defesas a remates nacionalistas, sobretudo a anteceder o 3º golo. Pelo ar, insuperável, como sempre.
- Pepe. Fui um dos maiores críticos no ano transacto e no início deste, mas dou claramente a mão à palmatória. Num ápice transformou-se no melhor central da Liga e no salva-vidas do cargo do H3N1. Com este sistema táctico, não fora um sensacional Pepe a cortar todos os lances, seja de cabeça ou em antecipação e o 1º lugar já era há muito. Como se não bastasse, sabe arrancar com a bola e culminou tudo com um excelente golo, que já merecia. Parabéns, Pepe!
- Anderson. Pela estreia auspiciosa. Apesar da juventude, não teve medo de pegar no jogo, pedir jogo e até rematar na 1ª vez que toca na bola. Se tem marcado aquele golo que falhou, teria sido memorável. Obviamente ainda é cedo para se entrar em euforias, mas como se costuma dizer, tem pinta e não engana. A ver vamos se o sistema de jogo comporta ou não um nº 10.
- Lucho Gonzalez. O comandante marcou mais um e já vai em oito. Impressionante para quem é médio, não gozou férias e está apenas no 1º ano de futebol europeu. Espero que passe despercebido no Mundial, por motivos óbvios. A par de Quaresma, o melhor jogador da Liga, a milhas de qualquer outro, embora seja muito mais constante que o Harry Potter.
- Ibson. Desde o 1º jogo que fez no Porto que me tornei fã incondicional de Ibson. Jogador único no plantel, que combina de forma rara a raça e o posicionamento de um trinco com a técnica e e velocidade de um nº 10. Para mim, é um dos grandes injustiçados no plantel do Porto e mais uma vez me encheu as medidas no pouco tempo que esteve em campo.
- Lisandro. Como referi, é bem melhor que Ivanildo e não se percebe o eclipse (é o segundo melhor marcador) a partir do Natal. Partiu a loiça quando entrou.
A ver vamos se é para manter esta exibição (pessoalmente, não acredito) ou se o H3N1 vai voltar a inventar para a semana, voltando ao seu normal. É que para mim, uma andorinha não faz a Primavera...


PS- o meu destaque vai também para o árbitro, porque quando aparece um como este ou o Pedro Henriques, há que os elogiar. Já me havia chamado a atenção num outro jogo qualquer e agora confirmei. Tal como o Major Henriques, deixa jogar e só apita quando é preciso. Os jogos assim são bem melhores e quase sem cartões. Fora outro o árbitro e por vontade do realizador da TVI e provavelmente teríamos tido 3 penalties por mão contra nós...
PS 2- O amigo Cilito Calabote lá fez o seu trabalho no Bessa. 3 Boavisteiros não jogam com os lagartos...

19 comentários:

Ladylover disse...

Caro portista,talvez seja capaz de compreender a sua exigência, mas estará a ser justo? Ou também é daqueles adeptos (?) que levantam uma faixa contra o treinador, ajudando a destabilizar a equipa e fazendo o jogo dos adversários da capital? Precisamos de nos unir todos em torno da equipa, senão NUNCA MAIS ganharemos nada. Está a construir-se uma grande equipa com jogadores jovens. Seremos campeões. O futebol demonstrado hoje só é possível com um grande treinador. Ou preferem rodriguinhos, "jogo para trás" e ausência total de renovação? Não me esqueço do que disseram sobre o Pepe e outros jogadores. Para mim, um jogador do Porto é sempre "o maior". Tal como o Baía. Independentemente da sorte ou azar. Concluo que há muitos adeptos que verdadeiramente não o são. Ah, mais esta: façam-nos a todos um favor e ESQUEÇAM o Mourinho. Viva o futebol de ataque! Saudações portistas. P.S. Gostei hoje quando a "maioria silenciosa" do nosso grande clube vaiou a encenação-tacanha-apalhaçada-e-confrangedora da maior claque. Há muita gente boa naquela claque...mas têm de mudar de dirigentes, ou de atitudes.

AFC disse...

Uma correcção inicial. O FCP jogou na mesma com tres defesas tendo o Pedro Emanuel jogado na esquerda e Marek Cech no meio campo. Creio que o jogo de hoje não teve um resultado consonante com a produção ofensiva do Porto. Ou seja, perante tantos ataques do FCP mereciamos mais golos. Há que recnhecer vários aspectos positivos deste jogo, nomeadamente no que diz respeito a aspectos tácticos. Adrianse esteve bem em introduzir Marek Cech no meio campo (considerado no Estádio como o melhor em campo) visto que é um jogador que batalha muito. Esteve tambem bem em lançar Anderson no momento certo, dando ao jovem a possibilidade de se integrar em e a Portugal. Acho que nem sempre temos jogado bem, mas temos em todos os jogos mais oportunidades/remates que os nossos adversários. Ou seja, na minha opinião acho que o FCP tem neste momento um problema em termos de concretização ofensiva.

Viva o FCP.

www.hat-trick-fcp.blogspot.com

Pentadragão disse...

Grande Vitor Baía! Espero que tenhas calado os que disseram que já precisavas da reforma. Também gosto muito do Ibson, mas tem que jogar com um trinco (ele não faz de trinco). O Ivanildo sua a camisola, mas ainda está verdinho. É um jogador bom para entrar na 2ª parte, mas para ser titular ainda não! O Lisandro está bem melhor. O Adriano embora lutador parece-me um bocado cepo... aguardemos mais um jogos.

Anónimo disse...

"Esta noite, no Dragão e com a tulipa negra a mudar outra vez"

Gostava que explicasses melhor esta frase, isto claro se te estás a referir ao treinador do FCPorto e à sua equipa.

Anónimo disse...

Não deves ter estado ontem no Dragão. E Ainda bem. È que ontem o FCPorto foi apoiado pelos adeptos e não assobiado.

Alex disse...

Ontem não pude ir ao Dragão e não imaginam as vezes q tive de chamar FILHOS DA PUTA aos "comentadores" da televisão do povo....Impressionante!

Ramos disse...

Censura, Ditadura e COMISSÃO! Assim é quem manda no Dragão...0 comments
Published Segunda-feira, Março 06, 2006 by Ramos.




VERGONHA!!!

O que poderia ser uma crónica pacifíca e nada corrosiva, vai deixar de o ser devido à incompetência e falta de visão dos dirigentes que "mandam" no Dragão!

EsteDomingo assistimos à total quebra de identidade dos valores defendidos pela nossa instituição por parte dos "nossos" administradores. Desde quando é que sócios com lugar anual pago, com quotas em dia e muitos deles com mais anos de clube do que todos administradores juntos são impedidos de mostrar as suas convicções e opiniões? Quando as tarjas levantadas apontavam críticas e sarcasmo para com os nossos rivais ou eram usadas em defesa dos "nossos" dirigentes, tudo era permitido. Agora que são usadas para não deixar esquecer a falta de visão estratégica, os compadrios e a incompetência que reina na $ad azul e branca, são abafados como nos tempos da ditadura. É a PIDE de volta no seu esplendor, desta feita com sede no Estádio do Dragão.

Já agora analisemos as frases em questão e o que punham em causa (brevemente disponíveis na nossa galeria de fotos):
1 - A primeira dizia qualquer coisa como :"Adriaanse na Luz conseguiste humilhar, os 4000 mil que te foram apoiar" - esta frase levantou o acordar dos senhores do lápis azul - vulgo censura - mantendo-os atentos para as seguintes que iriam ser levantadas. Curiosamente esta frase foi aplaudida pela maioria do estádio...

2 - A segunda continha farpas dirigidas ao modus-operandus que se instalou no dragão e fazia referência aos compadrios e comissões ganhas em transferências como as do Sonkaya, Leo Lima, Pitbull entre outros. Neste caso já entraram em acção os aprendizes de capangas que actualmente "vivem" no NOSSO estádio! Será que muitos dos nossos dirigentes que fazem vida no Brasil, e que por lá ficam 2 semanas (que trabalho intensivo!!! Será que vão ver só os jogadores?) para trazerem camiões de jogadores de valor no mínimo dúbio, enfiaram a carapuça?
Agora vamos fazer um puro exercicio de matemática : Um jogador que custe 500 mil contos, e que seja negociado por um daqueles "nossos" administradores comissionistas que ganham apenas 5% em cada negociata, equivale a um ganho "insignificante" de 25 mil contos. Multipliquem isto por 30 ou 40 jogadores de terceira categoria, e vejam onde foram parar os milhões vindos da Champions e do Abramovich...

3 - Finalmente a terceira tarja continha a seguinte frase :"Duda longe do dragão, por falta de COMISSÃO!" - Esta tarja foi barbaramente arrancada do meio dos SD pelos capangas juniores para que os sócios não pudessem "pensar" com todos os factos reunidos. E realmente se pensarmos bem, qual foi o último jogador a vir para o FC Porto a custo zero? Não se lembram? Também nós não nos lembramos...

Um outro pensamento nos invade a mente : Será que esta censura foi feita só por se tratarem dos SD? Claro que não! Já anteriormente, no jogo com o Marítimo, sócios anónimos do FC Porto foram impedidos por seguranças de demonstrar através de faixas o seu descontentamento para com o Mr. CU Adriaanse, Bruno Alves e Pinto da Costa.

Inadmissível é o facto de boa parte dos sócios do Porto presentes no estádio ter assobiado os SD quando estes começaram a cantar, após 30 minutos de protesto silencioso. Hoje são eles os visados pela ditadura da nossa $ad, amanhã somos nós, depois de amanhã são vocês!

O Colectivo também manteve o seu protesto não cantando durante toda a primeira parte, e colocando a sua faixa ao contrário. Quando 2 movimentos de adeptos DIFERENTES são negligenciados pela $ad, será que o problema é dos adeptos ou da $ad?

Num jogo em que o banco do Porto voltou a estar novamente bem protegido, a nossa equipa jogou bem e ganhou bem, sendo que o nosso iluminado treinador teve a brilhante ideia original de jogar com 4 defesas (Porque não o fez na semana passada? Será que nos gosta de humilhar? Ou quer manter o recorde de derrotas com o Koeman?)

Este jogo marcou também a estreia do jovem Andersson que até podia ter marcado num lance em que se isolou.

Obviamente que não podiamos deixar passar em claro a forte recepção que o nosso grande guarde redes VITOR BAÍA teve, destacando-se nos incentivos recebidos a música que os SD lhe dedicaram "BAÍA" baseada na música dos Xutos e Pontapés "Maria". Força Grande Baía!

De resto, nada mais a acrescentar, senão a tristeza e a revolta que nos invadem a alma devido ao rumo que o nosso clube está a tomar!

O ciclo terminou!
Cada vez mais ansiamos pela próxima Assembleia Geral. O clube precisa de sangue novo... para bons entendores, meia palavra basta!

Fotos e Videos do jogo disponíveis durante o dia de hoje!

Anónimo disse...

Caro Ramos,

Para dizeres que o FCP jogou com quatro defesas não deves ter visto o jogo. Devias estar a olhar só para as tarjas. Espero que na próxima assembleia geral essa promessa que aí fazes se concretize. Aí verás a votação que os sócios do FCP dedicarão à claque. As duas claques podem estar contra a direcção mas caso não tenhas reparado uma parte considerável dos sócios também assobiou a claque. Portanto parece que não há um consenso como parecem fazer crer.

D2 disse...

"E realmente se pensarmos bem, qual foi o último jogador a vir para o FC Porto a custo zero? Não se lembram? Também nós não nos lembramos..."

Tomislav Sokota

Anónimo disse...

Ramos:

E toda essa preocupação não terá a ver com a comissão que os líderes dos SD ganhavam com os bilhetes que a SAD dava à borla e eram vendidos perto do preço de venda ao público???

Eu explico, vamos supor que o FCPorto oferecia aos SD 1000 bilhetes e estes eram vendidos a 7,5euros. Comissão de 100% e 7.500euros de lucro por jogo para andar de X5 e de porsche.

Acabou-se a mama. È que agora é que se vêm quantos são os verdadeiros SD, são meia duzia apenas que eram os que lá estavam ontem. Já que os outros nem são nem nunca foram sócios do FCPorto. Então se ficava mais barato ir aos jogos como sócios dos SD. E quem recebe esse dinheiros desses quase 6.000 sócios dos SD.

Ainda têm a lata de falar dos comissionistas da SAD?!?!?

E andava eu a pagar para esses chulos.

Anónimo disse...

Antes de falar no jogo, começo por dizer, e ainda bem que veio aqui alguém assumir-se como Superdragão, que não admito que eles falem por mim.

Eu estive na Luz, tal como muitos outros milhares de adeptos portistas e não sou da claque. Aliás cada vez mais tenho vergonha da nossa claque, por isso façam lá o favor de não falar por todos os adetpos do Porto. Eu não tive vergonha do nosso clube na Luz .

4.000 pessoas da claque na Luz??? Essa é boa, no mínimo 2 000 pessoas não tinham nada que ver com as claques, mas sim com sócios das casas e filiais do FCP espalhadas por esse País fora, como é o meu caso e de tantos outros que se deslocaram a Lisboa para apoiar o nosso clube.

Depois, eu percebo bem o desgosto do portista Gaspar Santos, foi o sentimento que tive depois do FCP-Braga onde fizemos outra excelente exibição como ontem mas fomos, para além de roubados, muito infelizes quer na concretização quer na maneira como sofremos o golo do empate. Foi triste ver que algumas destas pessoas que se intitulam portistas estão mais preocupadas em derrubar esta SAD e este treinador do que em apoiar a equipa e olhar para o futuro com optimismo e esperança. Ver lenços brancos nesse jogo, depois do penalty ilegal que deu o empate ao Braga, foi o desfazer completo das dúvidas. Há adeptos que vão ficar com muita azia se o FCP for Campeão com este treinador, porque eles não admitem que novo ciclo de sucesso se possa abrir com esta mesma SAD e com este treinador.


Ontem, fizemos um excelente jogo, noutros tempos seria uma exibição de luxo, mas é melhor ter cuidado com os termos, pois ganhar ao Nacional da Madeira por 3-0 e termos jogado para dar 5 ou 6 nas calmas e ter mantido durante os 90 minutos o mesmo ritmo, já aqui foi considerado como uma exibição razoável. E ainda vamos ler o costume de que os adversários são fracos, macios, etc.

Depois, venham dizer que o que se anda a passar no FCP é uma coisa normal que sempre aconteceu com os outros treinadores. Esta perseguição com laivos de ódio ao nosso treinador não tem qualquer paralelo na história do nosso clube, estamos a 9 jornadas do fim do campeonato, vamos à frente, mas há adeptos que teimam em querer que este treinador perca, e isto a todo o custo, utilizando tarjas "políticas" apenas destinadas a dividir os adeptos. Nessa altura, tive orgulho naqueles que os mimosearam com uma assobiadela monstra.

Por isso, se para alguns a palavra de ordem é CO GO HOME, para mim a palavra de ordem é Superdragões GO Home!!! A massa de adeptos portistas, e vocês são uma ínfima parte dela, agradece .

Esta equipa vai ter que ser mesmo uma grande equipa no futuro, pois vai ter que adquirir confiança e crescer contra a sua própria claque e contra alguma franja de adeptos que têm a mania que eles é que sabem o que é o Porto!!!!

P.S: Não me importo nada que a TAÇA BES vá para Lisboa, desde que fique com o campeonato. No ano passado ganhámos quase todos os jogos importantes e ficámos sem o Campeonato Nacional que é e sempre foi o nosso 1º e principal objectivo desportivo. Se o importante fosse sobretudo ganhar aos lampiões e aos lagartos o Victor Fernandez não teria levado com lenços brancos depois do jogo com o Braga . Portanto, é uma grande treta essa história dos jogos importantes, o importante são os títulos e mais nada!!! O importante é a equipa reagir como reagiu ontem depois de um resultado negativo.

Anónimo disse...

De q é q adiantou a faixa contra o Co? É para q ele fique a saber q os SD não estão satisfeitos com o trabalho dele? Grande novidade, isso já toda a gente sabia. Sendo assim o q é q ficaram (eles ou o clube ou os adeptos) a ganhar com a faixa? Absolutamente nada, pelo contrário divide os adeptos e é uma distracção para jogadores e equipa técnica.

Anónimo disse...

Parte I- Não há bela sem senão. De facto, já começa a ser patológico a fobia anti-Co que muitos procuram sustentar com as teses mais mirabolantes. Porque é holandês e não percebe o futebol português. Porque não é treinador para o FC Porto. Porque o sistema de jogo que procura implementar, não é compatível com a forma habitual de jogar do FC Porto. Porque tem falhado nos grandes jogos. Porque é 'autista'. Enfim, um interminável libelo acusatório (e persecutório?).

Parte II- Contra factos não há argumentos. O FC Porto com o "Pior treinador do Mundo" continua em 1º lugar na SuperLiga. O senhor Adriaanse, teve e tem a ingrata tarefa de disciplinar o famoso balneário do ano passado, em que valia quase tudo, menos jogar futebol. O mesmo treinador, tem ainda a seu cargo de uma forma suave, de "aposentar" jogadores consagrados e carismáticos, procurando fazer rejuvenescer a equipa. É a ordem natural das coisas. Tudo tem um fim. Caíram-lhe em cima. Desde "ditador" a "incompetente", quase tudo rotularam o treinador. Os "fazedores de opinião" e os "cronistas do reino", fazendo uso da sua incomensurável sabedoria futebolística (e não só!), trataram de incendiar as hostes, envenenando os adeptos Portistas com as mais incríveis crónicas, pedindo sistematicamente a "cabeça" do pobre homem. Quase voltamos à Idade Média e aos famosos tribunais da Inquisição!

Parte III- Não é fácil, nada fácil, um treinador com a filosofia da escola holandesa de futebol, tentar transpor para uma grande equipa, a sua filosofia de jogo. Somos latinos e naturalmente, impetuosos e emotivos (de um modo geral). Com a nossa mentalidade, tudo tem de acontecer muito depressa. O senhor Adriaanse, vem de um País com uma cultura e idiossincrasia muito diferente. São apologistas do Racionalismo Holandês, discípulos de Descarte. Tudo é metódico, planeado e orientado para dar frutos a médio/longo prazo. Claro que compreendo a ansiedade, o nervosismo e a desilusão de muitos adeptos Portistas. Também sou sócio do FC Porto. Mas, também tenho que compreender, a tremenda responsabilidade que delegaram ao senhor Adriaanse, ao escolherem-no como treinador do FC Porto. Os adeptos Portistas são tremendamente exigentes. Considero positivo. Por vezes, são ingratamente excessivos. Considero negativo.

Parte IV- É fantástico ser adepto de um clube Campeão Europeu, Campeão Mundial. É tremendo, incomparável! Difícil, ás vezes, traumático, é viver a etapa seguinte. Precisamente, quando o nosso incomparável clube, deixa de ter o ceptro desses títulos! Aí de quem vier a seguir! Vai ser comparado, julgado e às vezes maltratado, por tudo e por nada. Confesso, que não invejo nem um bocadinho, a posição do senhor Adriaanse. Entrou no FC Porto, numa fase muito difícil.

Parte V- Por tradição e educação, respeito o trabalho e o esforço das pessoas nas suas actividades profissionais. O senhor Adriaanse, tem um contrato firmado com o FCP SAD. Tem objectivos delineados a cumprir. Eventualmente, terá quase todos os recursos humanos e logísticos para o conseguir. Vou continuar a apoiar o treinador da minha equipa até o fim. Então, e só no fim, será julgado por quem de direito. E aceitar as respectivas consequências. Para o bem e para o mal. Não aprecio particularmente, "actos de condenação", na praça pública. Ainda aceito menos, intoxicações premeditadas e orientadas da opinião pública, pelos "fazedores de opinião".

Parte VI- Acho absolutamente lamentável, o histerismo anti-Co de alguns "cronistas do reino" em cerimónias solenes. Aconteceu há algum tempo, no Casino de Espinho. Na presença da administração do FCP SAD, dos jogadores, dos treinadores da equipa, dos convidados e dos jornalistas, o senhor Miguel Sousa Tavares, a quem reconheço um elevado nível de cultura e independência, excedeu-se, e lá vai desta, pedir a "cabeça" (na presença do Sr.Adriaanse) do incrível treinador do FC Porto! E ninguém reagiu! Não me revejo nesses comportamentos!

Parte VII- Por fim, mas não menos importante, e respondendo ao tópico, aqui deixo a minha sincera e humilde proposta.
O FUTURO TREINADOR do Melhor Clube Português, o FC Porto, deverá ser a "COMISSÃO-de-TREINADORES-de-BANCADA" anti-Co, liderados pelo Senhor Miguel Sousa Tavares.
Está na hora de provarem em campo o que valem!

Cumprimentos.
Legendary Dragon

Ramos disse...

Depois de ver o meu nome vir à baila venho por este meio comunicar que não sou SD por opção apesar de acompanhar sempre a equipa para todo o lado. Ao contrário de muitos nunca tive bilhetes de borla, sou sócio desde que nasci, ou seja hà 27 anos, recebi a roseta de prata há 2 anos, e tenho lugar anual pago e quotas em dia.

Sexta-feira, saio do trabalho e parto para Setubal para apoiar o grande Porto. Nao vou ficar no sofá a beber cervejas e comer uns camaroezitos. Assim foi em quase todo o lado que o Porto foi. E vou com um grupo de amigos, sócios do Porto e não sócios dos SD.

Quanto à posição dos SD, acho legitima para quem faz todo o tipo de trabalho que a $ad quer ver feito e para quem apoia o clube em qualquer lado, em qualquer estádio!

Quanto ao respeito que os SD nos merecem aqui fica um texto escrito por CONSÓCIO portista de seu nome Bruno Machado. Acho que este texto resume tudo:"Muitos de vós irão apenas olhar para a foto e clicar num outro link redirecionando-se para um outro site ou tópico. No entanto, precisava de escrever algo, de enaltecer alguém, de mostrar o meu apoio a alguém sem que obtivesse uma resposta da parte de qualquer pessoa.

Estes são os Super Dragões, uma das claques mais antiga de Portugal, a maior claque do mui nobre FC Porto. Nos últimos anos temos assistido a várias mudanças no nosso clube, saídas, entradas, desesperos, glórias... constantes mudanças que em nada têm ajudado o clube. Mas há algo, há alguém que resiste no meio de toda esta imensidão de problemas, de todo este nevoeiro formado por alguém que tem já muitos anos de idade e que insiste em presidir um clube odiado por muitos mas certamente AMADO por muitos outros.

Jorge Nuno Pinto da Costa é o nome do senhor que comando os destinos do clube que mais títulos venceu internacionalmente, um clube de adeptos fogosos, impacientes, sedentos de títulos (ainda que eles abundem neste últimos anos). A vida é feita de ciclos, e na minha mais modesta opinião, o ciclo Pinto da Costa passou. Se muito devemos a este senhor pelo que fez pelo clube do nosso coração, por muito que queiramos dizer que será insubstituível, por muito que queríamos que o Porto continue a vencer, este ciclo acabou. É altura de mudanças. É altura de reestruturar a SAD azul e branca. Dar lugar aos mais novos, a pessoas ambiciosas, a apaixonados pelo clube, a pessoas que se portem como tal, que não alimentem todos os dias polémicas que apenas servem para se vender jornais, apenas servem para enriquecer aqueles que nada dão aos clubes. E depois de tanta hipocrisia nestas duas últimas épocas, com vendas fantasma, com entradas em experiência, com treinador que têm tudo menos estatuto para treinar um clube de futebol, a crise chegou agora aos adeptos, aos incondicionais, aos apoiantes que intensamente acompanham o Porto para todo lado... será que esqueceram Gelsenkirchen? Sevilha? Tóquio? Eslováquia? Manchester? Glasgow? Estados Unidos? Lyon? Paris? Milão? Roma? Turquia? Grécia? Amesterdão? Brugge? Berlim? Cracóvia? Turim? Viena?

A resposta é: sim. Os Super Dragões foram completamente 'apedrejados'. É como passar do céu para a terra. Se por um lado condeno vivamente qualquer acto como o que assistimos com Co Adriaanse, se rejeito qualquer tipo de protesto em termos físicos, nunca posso aceitar que sejam retirados os apoios aos mais fieis perseguidores do nosso clube. Quantos de vós já foram a todas aquelas cidades e países que referi? Quantos de vós viram ao vivo a vitória da Liga dos Campeões? Ou até a Taça Uefa? Provavelmente muito poucos, tal como eu, que não estive em nenhuma das finais. No entanto o meu sentimento é claro: os Super tiveram lá, apoiaram a equipa até ao fim... Não irei, com certeza, esquecer o jogo de há dois anos em que fui a Lisboa ver o Porto contra o Benfica... não esquecerei que, minutos antes de entrar para o estádio, vi pessoas a pararem, de boca aberta, por momentos as portas de entrada para o estádio ficaram vazias... e porquê? Estavam a chegar os Super Dragões claro. E não... não vinham a chatear ninguém... Apenas uma imensidão de camionetas (consegui contar pelo menos 15) em fila, a dirigirem-se para o estádio... Uma vez cá fora o barulho habitual de pessoas a falar, de risos... toda a harmonia foi interrompida por cerca de 1000 dragões que ousaram em marcar a sua presença... o mote era claro: EM QUALQUER ESTÀDIO, EM QUALQUER LUGAR, SÓ PRA TE VER! PORTO ALLEZZZZ.

Admito, naqueles cinco minutos, pensei que estava no Estádio do Dragão tal era o barulho e nitidez com que aqueles fieis seguidores gritavam... sentia-se a paixão, sentia-se a chama, sentia-se claramente a emoção... e admito ainda mais... foi um dos momentos da minha vida em que, ORGULHOSAMENTE, me senti portista... me senti AZUL E BRANCO.

Para mim, adepto do futebol, do espectáculo, e claro, do FC Porto, não possa ficar de maneira nenhuma alegre ou satisfeito com as medidas que a direcção do Porto tomou em relação a esta claque (Já que os outros incondicionais seguidores, Colectivo, estão à margem da polémica). Não sei, talvez seja da idade, talvez estejam a ficar senis, mas o Porto precisa claramente destes adeptos. Se é tão fácil cortar relações porque não é tão fácil retirar uns meses de salários aqueles que provocam estas situações?

Não vale a pena debater esta questão... Cada vez mais os adeptos são simples figuras num estádio.. imagens. Quem sofre somos nós. Não vejo os jogadores ficarem tão tristes quando perdem como eu fico... Duvido muito. Hoje somos apenas alvos comerciais. Ter uma cadeira vazia num estádio é como ter lá um adepto. Parece não haver diferença para os dirigentes (já viram os preços dos bilhetes?). A culpa é e será sempre daqueles que seguem o Porto para todo o lado. Somos nós que damos parte do nosso dinheiro para eles, para uma máquina que apenas visa os lucros, que não detêm qualquer tipo de respeito pelos seus adeptos (Pinto da Costa insultou um adeptos em Vila do Conde por exemplo). Por vezes acabo por pensar: será que não querem adeptos no estádio? será que lhes faz diferença? começo a achar que não lhes interessa desde que no fim do mês todos se dirijam ao MultiBanco para pagar as cotas do Cartão de Sócio.

De um caldeirão de emoções fez-se uma embrulhada comercial. Os adeptos são os alvos. Sofremos por eles, continuamos a apoia-los. Reconhecemos que não o devíamos fazer mas continuamos a insistir a ver um jogo no Dragão, porque o amor ao clube acaba por passar qualquer fronteira (sim, condeno aqueles que preferem ver futebol do que dar de comer aos filhos claro). O Porto é uma comunidade, é uma vida à parte. Mas agora cada vez mais parece que existem os adeptos do Porto e a direcção do Porto. Não vejo meio de se voltarem a juntar com sucesso.

Aos Super Dragões apenas reservo o meu maior respeito por todos os sítios e lugares onde deixaram a marca do nosso clube, do nosso país. Respeito-os. Condeno muitos dos seus actos. Mas nunca irei aceitar que estes sejam postos fora do clube, do estádio, como eu acho que está a acontecer. Criticados por muitos, odiados por muitos outros, respeitados e admirados por muitos outros, estes serão sempre um elemento fundamental nas conquistas do clube, foram, são e serão uma das peças fundamentais na grandiosa história do nosso clube. Não deixem de apoiar (eu sei que não deixarão) lutam contra estes dirigentes de meia tigela que apenas querem ter o dinheiro no banco ao fim do mês e jamais olham para o coração dos adeptos, jamais sentem o que nós sentimos quando sofremos um golo, quando perdemos e até mesmo quando ganhamos. Eles são o problema. Não tentem agora fazer com que as claques sejam as culpadas de sucessivos erros de gestão. Aos que decidiram cortar os apoios a claque apenas digo... peço para que desapareçam pois não são adeptos do Porto de certeza.

Só os mais fortes resistem... Só os mais fracos desistem....

A vós, Super Dragões, um bem haja, na esperança que brevemente vos reconheçam como pedra fundamental no clube.

Aos que em nada querem saber de tudo isto, limitem-se a ignorar-me....

Aos que amam o Porto... votos de felicidades e muitas alegrias...

Aos que nos detestam, cumprimentos solenes...

PORTO HOJE, ONTEM E SEMPRE


Bruno Machado"

Quem por "este ou aquele motivo" nao puder estar presente no estádio a APOIAR o mágico Porto, pode ver os videos e fotos de quem o faz todos os fds em http://guerreirosdainvicta.blogspot.com

NOTA : SOMOS PELO PORTO!!!

Pedro Bessa disse...

Quem agora dá a mão à palmatória por causa do Pepe, dará pelo Adriaanse no final do ano.

Já o disse e volto a dizer, temos um GRANDE treinador, que fará deste FCPorto o mais jovem Campeão Nacional de todos os tempos e o melhor central de sempre do FCP, de seu nome Pepe.

Não critiquem a capacidade das pessoas em função dos resultados, mas sim pelo que podem ou não fazer de bom em prol do clube.

Só alguem que não perecebe nada de futebol pode por em causa a valia do Pepe. Quem o faz em relação ao Adriaanse pouco mais percebe...

Pedro Bessa disse...

Ah! e em relação ao Ibson, para mim o mais completo jogador do Porto, o unico do plantel no qual revejo a qualidade do Deco, só se afirmará depois da venda do Lucho. Jogam na mesma posição. Por isso, se o Lucho fizer um grande Mundial, não haverá grande problema já que temos lá a solução, o Magnifico Ibson!

Olho Vivo disse...

Ena, tantos anónimos...

Estou como o Azulão. "Uma andorinha não faz a Primavera". Quero ver se é para durar...

Gostei dos comentários do treinador no final do jogo... "...bom futebol, jogadas à esquerda, à direita, passes longos...". Pois, é isso que ele quer, já percebi há muito. Só que estamos em Portugal e o futebol é Português, não é Holandês. Falha esse pequenino pormenor, mesmo insignificante.

Além disso, o espectáculo que proporcionaria com o seu desejado futebol de ataque - que eu aprovo incondicionalmente - não está a dar os resultados desejados. Se virmos os dados do jogo, o Porto remata MUITO mais à baliza, ataca MUITO mais, mas golos... e sem golos não há vitórias. Mais, sem uma defesa segura não há confiança no ataque, é ÓBVIO. Só o mister é que não percebe. Até os facciosos da TVI dizem isso.

Ladylover disse...

Como disse, a claque está cheia de boa gente, e todos somos portistas. Mas a vossa conduta está errada. Não há portistas de primeira e de segunda. Não acredito que não queiram que o FCP seja campeão este ano. No entanto, parece óbvio, que se o mágico Porto for campeão, será APESAR do vosso comportamento e não com o vosso contributo.

ão há conhecimento de claques a comentar com faixas pormenores como as comissões de vendas de jogadores. Nos outros clubes ninguém ganha dinheiro? Em que mundo de "anjinhos" vivem? Meus amigos, tem de haver quem mande e o poder não pode estar “na rua”. Se não concordam, patrocinem uma alternativa a PC em vez de enveredar por caminhos subversivos.

Deixem o treinador em paz. Ele tem de fazer o seu trabalho até ao final da época. Depois, logo se verá se atingiu os objectivos. Sou um adepto incondicional do Baía, mas nenhum indivíduo pode ficar à frente do grupo.

Também não acredito que milhares de apoiantes da claque concordem com o radicalismo enquistado que a sua direcção tem revelado (estão todos de acordo com dar porrada ao treinador, etc - quero esquecer-me da vergonha internacional que foi esse episódio). Daí a pergunta: há democracia dentro da claque? Ou serão todos adeptos das tácticas de guerrilha, para deleite dos nossos adversários? O que sentiram quando foram monumentalmente assobiados ontem?

Não pediria que fossem como outras torcidas, que apoiam mesmo quando a equipa está a perder. Mas seria bom para o clube que colocassem de lado essa atitude de velhos do Restelo, com gosto por tiros no pé. Como diria o outro, pensem em “mudar de vida”, porque isto assim é uma tristeza que não dignifica em nada o nosso grande clube.
Legendary Dragon, completamente de acordo. Saudações portistas.

Alex disse...

É tão fácil dizer: "... É altura de mudanças. É altura de reestruturar a SAD azul e branca. Dar lugar aos mais novos..."

É tão fácil dizer q o Pinto da Costa está velho...pq não o disseram à dois anos? Ah, é verdade, já me esquecia,,,a equipa tinha apenas o melhjor treinador q alguma vez passou pelo clube (terá sido contatado por quem?) e ganhava sempre...fdx, e pensar q esta contestação este "enorme portismo" podia ter começado há 2/3 anos...

Mas, pergunto eu, vocês conhecem o futebol português? Quem é o "mais novo", a "nova vaga" que propõem para comandar o nosso PORTO e que conheça os meandros do futebol em POrtugal e não seja "papado" em dois tempos por esses mesmos meandros, como fizeram o ano passado ao fazerem dos lampiões campeões?

É muito fácil pedir "sangue novo"....mas quem? Quem não seria "engolido" pelo sistema?

Se após a passagem do melhor treinador de sempre do nosso clube estamos a viver a situação q estamos actualmente, então o que será quando o NOSSO Presidente Pinto da Costa sair do Porto...não será muito diferente da situação que viveram os lampiões até à chegada do kadafi dos pneus...

Mas há mentes iluminadas que querem sangue novo e aí tudo será perfeito....

Temos dos adeptos mais dificeis do mundo e temos adeptos que não conseguem compreender que com determinadas atitudes (não digo para se calarem mas os jogos deviam ser SAGRADOS e o apoio à equipa, o incentivo à VITÓRIA devia ser INQUESTIONÁVEL...) estão a colocar uma pressão inqualificável em cima de uma "cambada de putos", (já repararam na média de idades?) que são excelentes jogadores e no futuro estarão nos melhores clubes da Europa, (não q não sejamos já um mas é o costume...) à espera da derrota para os começar a insultar e a insultar tudo e todos...

Impressionante a quantidade de "adeptos" do Porto que torcem pelo insucesso deste treinador e se esquecem q esse será o insucesso do NOSSO clube...