terça-feira, 30 de setembro de 2008

Humilhados

Só não foi a escandaleira dos lampiões em Vigo, porque não calhou.
Na forja uma grande equipa, Senhor Jesualdo!
Confrangedor!
Estou a ver o que nos espera em Alvalade!

8 comentários:

Anónimo disse...

Mais uma péssima exibição do porto..

Por estas e por outros é que já há uma petição a circular na net para mandarem o jesualdo embora.

www.peticao.com.pt/despedir-jesualdo

Eu já assinei e peço a todos os portistas que façam o mesmo.

Joaquim Varela disse...

Até digo mais. O Benfica em Vigo jogou melhor que o FCP hoje!

É das primeiras vezes que vejo aqui uma frase sensata sobre aquilo que se passou em Londres esta noite.

Parabéns pela lucidez

Tago disse...

Já há algumas semanas (ainda o F.C.Porto não tinha atingido o estado vegatativo a que se vetou) referi num blog vizinho o seguinte:
O grande balão de oxigénio de Pinto da Costa ao nível da sua manutenção como Presidente do F.C.Porto foi a contratação de Mourinho. Na verdade, e convém não ter memória curta, aquando a vigência do "reinado" de Octávio Machado, a SAD do Porto era apelidada de comissionista e vigarista, com a claque a exibir tarjas insultuosas dirigidas aos membros daquela SAD. Com a entrada de Mourinho tudo mudou com a sua sagacidade, inteligência e competência. Os jogadores foram por si escolhidos, sendo muitos deles revendidos mais tarde, sendo que alguns mesmo depois deste ter já saído para o Chelsea, pelos valores que se conhecem.
Passo apenas a citar alguns deles:
1 - Derlei
2 - Paulo Ferreira
3 - Maniche
4 - Mcharthy
5 - Pepe (este foi escolhido por Mourinho no seu último ano de permanência no Porto)
6 - Nuno Valente
7 - Bosingwa
8 - Pedro Mendes
9 - Costinha

Por outro lado, e graças ao inigualável trabalho do Mourinho à frente do F.C.Porto, o Porto foi capaz de valorizar e de vender por quantias pouco reais para o futebol português, jogadores como:
1 - Ricardo Carvalho
2 - Deco
3 - Postiga (€ 10.000.000,00 para o Tottenham)

Estes, pese embora já fizessem parte dos quadros do F.C.Porto, só atingiram o estrelato e o valor de mercado pelo qual foram transaccionados, graças às brilhantes épocas do F.C.Porto de Mourinho.
Adiante, e após a era Mourinho, o F.C.Porto fez as seguintes contratações, directa ou indirectamente por intermédio de Jorge Mendes (as indirectas através da MSI, do iraniano Kia Jorabichian, que como se sabe nestes meandros é um homem ligado a Roman Abramovich e Jorge Mendes):
1 - Diego
2 - Luis Fabiano
3 - Ibson
4 - Anderson
5 - Lucho
6 - Lizandro Lopez

Terminada ou, como dizem os brasileiros, "esfriada" a relação com Jorge Mendes, atente-se para as contratações que o F.C.Porto vem fazendo; é um manifesto regresso ao passado, com negócios estranhíssimos (5,5 milhões de euros por metade do passe do Hulk, o qual foi adquirido aos Rentistas do Uruguai (pertencente ao "famoso" Juan Figger), sendo que o jogador nunca lá jogou 1 minuto, encontrando-se emprestado na altura a um club da 2ª divisão Japonesa), Benitez (que era suplente num modesto clube argentino), Bolatti (cuja contratação esteve envolta numa novela de enredo mexicano, face à suposta interferência do Corunha no negócio, o que fez supostamente encarecer o negócio - mas alguém acredita nesta rábula, sabendo-se, como se sabe, que o Presidente do Corunha é amicíssimo de Pinto da Costa), Farias (que o F.C. Porto foi "roubar" a um clube mexicano por um valor elevadíssimo - 3,5 milhões de euros), Mariano Gonzalez (que foi emprestado ao F.C.Porto por um club mediano de Itália, uma vez que nem sequer lá jogava), Guarin, Lucas Mareque, Renteria (incrível!!!), etc., etc..
Por mais que me tentem convencer, não há ninguém que me faça crer que por detrás destes negócios ruinosos não estão, passe a antítese, fabulosos negócios mas apenas para as partes intervenientes..
Pinto da Costa, justiça lhe seja feita, fez do F.C.Porto aquilo que ele é hoje. Devemos-lhe, umas vezes com mais intensidade do que outras, toda a vaga de sucessos que o Porto conheceu nas últimas décadas. No entanto, considero que tal não obsta a que a sua actuação seja impassível de qualquer crítica, dado que em determinados períodos da sua presidência os erros por ele cometidos são demasiado evidentes, para não dizer algo mais deselegante.
Espero estar enganado nesta previsão, mas julgo que o início desta temporada, com os sucessivos casos, coincide com o princípio do seu fim à frente dos destinos do F.C. Porto.
Saudações Portistas
Tiago

Pentadragão disse...

E o treinador adjunto não deverá também ir de vela?? José Gomes?? Fdx!!! Um gajo que só enterrou equipas!! Como é possível ser treinador adjunto do Porto?? PTa que pariu! Mandem é Sapus e Benitez e Guarins embora também. Que merda de jogadores são aqueles??

Tiago disse...

O meu comentário anterior foi tão exausivo que me esqueci de falar sobre o Prof. Jesualdo Ferreira.
Homem sério, sem dúvida, de trabalho, também, com muitos anos de futebol, inquestionável, mas há algo que se manifesta de uma forma tão inequívoca que acredito que o próprio já não é capaz de o desmentir: a equipa é sempre a imagem do seu treinador, e esta equipa do F.C.Porto tais como as anteriores por si dirigidas, falharam sempre nos momentos decisivos, mesmo quando em algumas dessas situações o Porto era claramente favorito à vitória. A equipa do F.C.Porto é uma equipa triste, acabrunhada nos seus medos, pouco confiante e que denota pouca ambição.. no fundo, e que me perdoe o Professor, é essa imagem que ele transparece para o exterior.
Tiago

Pedro Reis disse...

grande visão Tiago, directo ao osso sem precisar de ofender ninguém!

Bracarense disse...

Tiago, poupaste-me alguns minutos a escrever aqui. Assino por baixo.
Eu só considero a possibilidade de voltar a ter cadeira com outro treinador e outras exibições. Não sou masoquista.

Miguel disse...

Peço a todos os adeptos do F.C. Porto, que assinem a petição que está a decorrer neste momento, para mandar este senhor às favas. É um treinador médio, não é treinador para um clube de top mundial como é o F.C. Porto. Por favor assinem em http://www.peticao.com.pt/despedir-jesualdo.