domingo, 10 de agosto de 2014

Primeiras impressões (2014-15)

Algumas notas muito breves sobre a pré-época e o que nos espera este ano.

1. Jackson foi a melhor contratação! Está com uma vontade de se mostrar e um espírito matador ao nível dos melhores.

2. Dos novos, agradaram-me o Ruben (não é contratação mas é novo no plantel), Casimiro, o Tello, o Indi e o Brahimi. O Óliver também, mas esse não é nosso.

3. Não me agradou o Andrés e o Angel. Não me parece que tenham capacidade (e escola) para serem jogadores do FCP.

4. Não consigo dizer ainda o que penso do Ricardo (GR), Adrian, do Sami, do Evandro e do Opare. Ou porque (quase) não jogaram ou porque, no caso do Adrian, não mostrou nada de especial apesar de já o ter visto a fazer excelentes jogos no Atletico.

5. Parece-me que o Ricardo (GR), Defour, Evandro, Carlos Eduardo, Kelvin, Sami e Ricardo (extremo) não contam para o Lopes e deverão ser quase todos vendidos/emprestados.

6. Dos velhos, nada de novo. Continuam a apresentar os mesmos defeitos e virtudes que noutras épocas. Veremos se o Lopes consegue exponenciar as virtudes e minorar os defeitos com a construção de um colectivo mais forte.

7. Há alterações claras do modelo de jogo: mais troca de bola a meio-campo, mais pressão alta quando perdemos a bola - num modelo semelhante ao de VP e, acima de tudo, de AVB, mas com uma diferença para estes: não há um Fernando, um destruídor no plantel - quer o Casimiro, quer o Ruben, são mais construtores do que desarmadores. Parece-me tambem que os laterais são mais de apoio ao meio campo do que ao ataque e são os centro-campistas mais adiantados, muito soltos, que apoiam os extremos. Acho que isto pode resultar...

8. O Lopes tem uma semana para afinar a máquina e começar o campeonato a ganhar!

9. A equipa inicial devia ser, neste momento, para mim: Fabiano, Danilo, Maicon, Indi, Alex Sandro, Ruben, Brahimi, Óliver, Tello, Quaresma e Jackson.

10. Estou com expectativas médias-altas para esta época: espero qualificar para a LCE e ver o FCP lutar pelo titulo até à ultima jornada (admito não ganhar este ano, devido à enorme revolução ocorrida) mas não admito menos que o 2º lugar. E quero ver o FCP lutar para ganhar as outras competições (Taça de Portugal e da Liga).