quarta-feira, 29 de maio de 2013

Sobre a ignóbil hipotese de Jesus vir a ser o nosso treinador

Há, quanto a mim, duas ordens de razões, cada uma com vários motivos, para que isso não aconteça. Da ordem desportiva e da ordem pessoal.

Começando por esta, há 4 motivos para que eu não considere mais do que confabulação da imprensa ele poder ser o treinador no próximo ano:
1. A arrogância - a sua postura de sabichão (ou como dizia um meu professor do ciclo, de sabão!) e de se pôr em bicos de pés (que é catedrático em tácticas e coisas do género) não batem com o tipo de treinador à Porto que é humilde, cujo mérito lhe é reconhecido e não é propalado por ele próprio. A excepção foi Mourinho, mas esse é o special one...
2. Ofensas e desprezo ao FC Porto - nas suas várias intervenções tem vindo a desprezar o FC Porto, não lhe dando os parabéns pela vitória do campeonato, ofendendo o clube dizendo que o dele é que merecia ser campeão. Falta de fair-play, falta de educação.
3. Má linguagem, erros de português e má comunicação - como se percebe, antes de tudo, ele não tem culpa da pouca formação que teve em criança na escola. Mas não ter melhorado nada ao longo da sua vida, continuar a dizer os mesmos erros hoje que dizia quando era treinador do Felgueiras, isso já é culpa dele. E muito do que é a mensagem que ele transmite perde-se nos erros de palmatória que dá. Para além de que uma mensagem carregada de egocentrismo e de autoelogios como é a dele, não faz parte do ADN do FC Porto e é um erro de comunicação que se acaba por pagar, mais cedo ou mais tarde.
4. Má imagem - aquele cabelo pintado, o relógio digital ultra grande, a pastilha na boca sempre à vista, são imagens de uma boçalidade brutal que não é compatível com um clube profissional, moderno e vencedor. Eu não gosto de fato e camisa, mas sei que em determinadas situações isso é exigido e cumpro. Sei que a pastilha na boca é até falta de educação, mas pelo visto ele não sabe - e pior, ainda ninguém lá dos lampiões lhe explicou isso!

Por outro lado, do ponto de vista de ordem desportiva, há 3 motivos que não me fazem entender como ainda é possível pensar que ele tenha capacidade para ser o treinador do FC Porto na próxima época:
1. Más tácticas - Ao contrário do FC Porto que "joga sempre da mesma forma", ele não. É um treinador amiúde cagarolas, defendendo em certos jogos e mudando a táctica para isso - por vezes de inicio, como fez ainda no passado jogo no Dragão, por vezes apenas durante o jogo como fez na final da Taça no domingo passado. Eu não concebo nem aceito que um treinador do FC Porto não jogue para ganhar em qualquer lado e nem que se ponha à defesa quando se apanha a ganhar a meia hora do fim.
2. Problemas físicos - as suas equipas são conhecidas por rebentarem no final das épocas, desde os tempos do Felgueiras. Os finais de época dele sempre foram fracos e até penosos como este ano. Tem a ver com erros de gestão do plantel, mas também com metodologias e cargas de treinos, com toda a certeza.
3. Falhar nos momentos chave - como se viu este ano, e como se tem visto ao longo da carreira dele, nos momentos chave as suas equipas - e ele! - falham sempre. Teve um momento excepcional - o ano do campeonato do túnel. Ora isto, quanto a mim, é um terrível problema que ele arrasta com ele e que em boa parte é consequência dos problemas de ordem pessoal 1 e 3 que apontei acima. E como ele não os resolveu em tantos anos de carreira, não vejo porque os vai conseguir resolver só porque se integra na excelente estrutura do FC Porto.

Em resumo, olho para Jesus e vejo uma nova versão de Octávio. E, muito sinceramente, já nos bastou o primeiro, cujo maior feito foi ter aberto caminho para chegar o Mourinho! Mal por mal, e quem me acompanha nas leituras do que escrevo sabe que não sou sem defensor, prefiro continuar com Vítor Pereira mais um ano ou dois do que levar com o Jesus nem que seja por meia época!

Espero, por isso, que PdC resista à vontade de dar mais uma bicada nos lampiões e mostrar que até no FC Porto a besta do treinador deles consegue vencer. Ele já tentou isso com o Octávio e não resultou uma vez, não abuse da sorte em tentar segunda vez com este melão ressabiado!

3 comentários:

Anónimo disse...

Hey! I just would like to give an enormous thumbs up for the good info you could have right here on this post.
I will probably be coming back to your weblog for extra soon.


Feel free to visit my weblog world paper money 2013 pdf

Anónimo disse...

http://portugal-online.yolasite.com/

Dárvini Aranes Fook disse...

Nice blog, waiting for updates...