sábado, 16 de janeiro de 2010

A PREPARAÇÃO

A má preparação da época, a falta de preparação do treinador para treinar equipas de topo e a exemplar preparação das arbitragens, ditaram há pouco o afastamento do título e provavelmente da Liga dos Campeões.
Quando se estoura 4 milhões num jogador que não é convocado, quando se fazem substituições absolutamente incompreensíveis e quando se tem 3 golos mal anulados em apenas dois jogos, não há milagres que resistam.
Agora, já concordo que não se contrate ninguém. Sem os milhões da próxima Liga dos Campeões, provavelmente sem milhões das vendas, antevê-se um par de anos negros. Que se deixe ao próximo treinador o critério das contratações da próxima época. Porque a boa notícia disto tudo e que, só se Pinto da Costa estiver louco de vez, é que este senhor bem falante que se diz treinador continuará sentado no nosso banco na próxima época.

8 comentários:

Anónimo disse...

DE ACORDO,UMA MISERIA ESTE TREINADOR.V. NUNES

Anónimo disse...

É um cheiro a azia neste blog....
iiiii...iiiii
chamai a policia...iiii...iiii

Nuno Silva disse...

Um empate com sabor a derrota… O Porto empatou de novo com o Paços de Ferreira, e agora em casa.

A equipa não esteve mal e o próprio treinador foi audaz como não fez muitas outras vezes. Fizemos mais que o suficiente para vencer, mas ainda faltou alguma coisa!

Entramos mal no jogo, mas a partir dos 10 minutos o domínio e controlo foram absolutos. A intensidade e pressão não foram as ideais, só apareceram nos últimos 15m, mas ainda assim não é altura para atacar ninguém, à excepção da arbitragem. A equipa teve personalidade, entrega e nunca baixou os braços. É isso que exijo, depois venha qualidade e eficácia. Falhamos na eficácia, não atingimos a qualidade desejada, mas também fomos altamente penalizados pela condução do jogo. No capítulo da finalização o Falcão teve 2 perdidas enormes, situações privilegiadíssimas, facilmente medidas a um palmo do poste direito da baliza.

O golo anulado ao Falcão é limpíssimo (nem linha é), fica uma expulsão por assinalar, ainda com o jogo a “zeros”! e depois cirurgicamente fica uma expulsão ao adversário, mais uma, ridícula… para servir de bode expiatório para o coro de benfiquista e imprensa se deliciarem durante toda a semana. Tal como na semana anterior: prejudicados o jogo todo e depois mancha-se a arbitragem no final com a dita expulsão inconsequente.

Fica ainda um lance anedótico (não há outra expressão para tal disparate) de fora de jogo a Varela, com 2 metros de erro. Mau demais. Felizmente ele também não conseguiu dominar bem a bola ficando só, frente ao GR.

O abafo que demos ao Paços no final foi emocionante e pena não ter resultado em mais um golo. Grande mérito para o GR Pacense, com uma mão cheia de defesas fantásticas. Depois do desfecho e da forma que ocorreu o golo do Paços podem alguns portistas afirmar que optavam por outra solução, no final do jogo, que não a do nosso treinador. Manter os 4 de trás, como movimentos sucessivos longitudinais do Bruno, baralhando marcações e não se fixando exclusivamente na área, seria uma outra opção. Mas prefiro felicitar e ressalvar a coragem que demonstrou o ainda nosso treinador.

Falta saber se efectivamente ganhamos um ponto, ou não! Emocionalmente parece-me que a equipa (jogadores e técnicos) não terá estofo e qualidade para reagir a uma vitória de Braga e Benfica, sendo que o “clima” é extraordinariamente adverso.

Suponho que mais uma jornada e vão poder divulgar os castigos aos atletas do FCP, no caso do túnel da Luz. Estão a ser bem sucedidos no objectivo de retirar ao Porto soluções para competir em igualdade de condições com os adversários.

Eu ainda não desisti… ainda…

Anónimo disse...

Acho que este senhor burrualdo, depois de 3 anos e meio, acordou tarde. Era como jogámos nos últimos minutos, a pressionar lá à frente, ecom a carne toda no assador, que o devia ter feito logo quando entrou no Porto e não com médios defensivos (já agora vejam os que foram comprados nestes últimos anos com esta treinador no comando).
Para para mim está encerrada a questão, agora já não vale a pena bater mais no seguinho.
Se Braga e Befica, ou algum deles ganha amanhã, ardeu a tenda. Vamos a ver é em que lugar acabamos este campeonato, pois cheira-me a que mais desgraças virão.

Gil Oliveira

Dragaopentacampeao disse...

O FC Porto vem dando mostras da necessidade de um bom substituto para Lucho.

Será Ruben Micael a solução?

O empate frente ao Paços reflecte as dificuldades habituais (transições ofensivas mal elaboradas, muita precipitação e ineficácia) a que se juntaram a influência negativa da arbitragem. São já quatro pontos perdidos nos últimos jogos (2 na Luz e 2 ontem).
Viva a APAF!

Ainda que não esteja tudo perdido, começa a ficar cada vez mais complicado sustentar a ambição de renovar o título, sustentada em exibições tão pouco confiantes.

Agora só nos resta não perder mais nenhum ponto até final (o que me parece impossível) e esperar que os outros escorreguem.

Um abraço

GdI disse...

Não estará na altura de uma acção concertada dos adeptos portistas?

Blogues, Claques, Sócios, adeptos, manifestações espontâneas...algo que mexa com o ANDOR!!! O copo está a transbordar...

Aceitam-se sugestões!!!!

GdI
(guerreirosdainvicta@gmail.com)

Petição disse...

POR UMA REVOLUÇÃO NO FUTEBOL EM PORTUGAL:
Revolucionar o Futebol profissional em Portugal, pela implementação de um novo modelo de gestão, financiamento e organização.

Petição em:
http://www.ipetitions.com/petition/revolucaofutebolportugal/

Anónimo disse...

Eu ainda acredito, nada ta perdido mas ta muito complicado.

O Porto em anos anteriores ja mostrou a sua força, penso que nao devemos nos afastar nem criticar neste momento. Vamos continuar apoiar porque tudo é possivel.

Nao gosto do jesualdo mas sera bom para a equipa manda-lo agora embora?

Eu acho que nao por isso vamos apoiar e no final da epoca sim fazer de tudo pa ele ir embora.

FORÇA PORTO