quarta-feira, 10 de outubro de 2007

FAITS DIVERS

Agora que não vamos ter espectáculos sonolentos durante 15 dias (a última vez que estivemos parados 15 dias deu no que deu), há que entreter os nossos fieís leitores.
Para aqueles que exultam cada vez que o Unifinta faz a unifinta e lhe corre bem, zurzindo naqueles (eu) que dizem que é das mais vergonhosas contratações de que há memória, recomendo o visionamento da sua última proeza. Não me custa nada admitir que muito poucos atingiriam este patamar de genialidade.
Entretanto e apesar de jogarmos a meio gás à espera que os adversários caiam de podre, fizemos até ao momento o pleno de vitórias no campeonato. É um dos melhores arranques de sempre, que, num país democrático e com imprensa imparcial, mereceria o devido destaque. Em Portugal, é assim.
A pergunta que fica no ar é óbvia: se tivéssemos um bom treinador e aproveitássemos melhor o dinheiro das contratações, até onde chegaria esta equipa?
Para terminar, fica a habitual anedota.

3 comentários:

GM disse...

Nao alinho em perseguicoes Azulao. So falha quem esta la dentro. Ha que lhe dar o devido reconhecimento pelas boas exibicoes que fez independentemente de ser unifinta ou nao. Um facto e q resulta mts vezes. Mas uma coisa nao te posso apontar: a falta de coerencia. Embirraste com ele desde o inicio, como muitos de nos, e continuas a embirrar. ;-)

Deko disse...

Pensei que com a paragem do campeonato, também cessasse a CONVERSA DA TRETA, mas não...

Sou crente, eu sei...

Francisco disse...

Bater, bater, EM QUEM ?

Estamos na frente, isolados, com o máximo possível de pontos...

O que queremos mais ?

ÓPERA, é no S. Carlos, que por acaso ou não é em Lisboa.

Há que ter memória ?

E mais não digo...

Começo a ficar farto destes comentários.

Saudações Blues